quarta-feira, 13 de janeiro de 2016

PAUSA PARA O DORAMA...


Então Gyu Won estava destinada a algo e era não perder, não importa o que ela estivesse buscando ganhar. Gyu Won não tem cara de ser uma pessoa ruim certo? E ela não é mesmo, nem daria pra ser uma vilã, e essa parte do dorama definitivamente me impressionou muito porque apesar de ser esse tipo de personagem ela teve essa coragem e iniciativa de não perder, ela colocou isso como objetivo, fez o que tinha que fazer e finalmente conseguiu.
Você também não precisa ser a vilã mas de alguma forma em certas horas, precisa ter uma mente de esperteza para algo que queira te impedir de ganhar e Gyu Won soube disso!

2 comentários:

Hinata Chan disse...

YOOOOO CEEEELLLIIII \O/

Enfim, mal conheço a personagem, mas já a considero pakas! Véi, eu acho bacana personagens "boazinhas" e puras, mas tem vezes que isso fica muito foçado e só acaba tornando as coisas monótonas e repetitivas! Portanto, ter uma personagem que deixa esse "sou a pessoa mais boa do mundo" de lado e corre verdadeiramente atrás das coisas é muito bom! Só porque uma pessoa não quer perder não necessariamente ela é uma vilã, pelo contrário pode além de passar uma grande lição de vida, também ter muito mais carácter do que personagens considerados "bons/corretos". Por exemplo: Esses dias eu estava lendo um mangá shoujo chamado Heroíne Shikkaku, a protagonista não era boazinha e purinha, ela fazia de tudo para conseguir o que queria, se metia nas mais altas tretas, confusões e loucuras, mas nem por isso ela era uma vilã ou uma pessoa ruim, pelo contrário, era apenas alguém correndo atrás do que queria!

Enfim, vou ficando por aqui

Kiss

CELLI ✿ ´´ disse...

HINAAAAA, concordo definitivamente hahahahahaha, e mesmo aquelas vilãs, elas podem parecer más, mas correm pelo que querem, na verdade são vilãs quando fazem coisas ilegais e tal, no contrário não são, e você pode correr atrás do que você quer sem ter que ser mau, voce apenas tem que correr atrás do que deseja. Eu particularmente gosto muito dessa personagem, não é dessas personagens sofredoras sabe, mas nessa cena ela me ganhou.